Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Agricultura Familiar

Leite captado em torneio de ordenha na 52ª Expoagro será doado

Da Redação - Viviane Petroli

16 Jun 2016 - 08:28

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

Leite captado em torneio de ordenha na 52ª Expoagro será doado
Todo o leite doado durante o Torneio de Ordenha das raças GirLeiteiro e Girolando, entre 2 e 5 de julho, será doado para instituições de caridade de Cuiabá. O fomento da cadeia produtiva de leite e agricultura familiar, durante a 52ª Expoagro, será uma das parcerias entre o Sindicato Rural de Cuiabá e a Secretaria de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (Seaf).

Oitavo maior produtor de leite do Brasil, Mato Grosso tem potencial para alcançar os líderes. Tal potencialidade será debatida durante o Fórum das Cadeias Produtivas, que ocorre paralelamente a 52ª Expoagro, em Cuiabá, no dia 07 de julho. Workshops e palestras sobre a cadeia da bovinocultura de leite será abordada por diversos especialistas com o intuito de elevar a produção.

Leia mais:
Secretaria de Agricultura Familiar levará "minilaticínio" para a 52ª Expoagro

Em Mato Grosso cerca de 51% dos produtores de leite produzem até 50 litros/dia, ou seja, são produtores da agricultura familiar. A produção no Estado é de aproximadamente 700 milhões de litros ao ano.

Durante reunião, realizada na última terça-feira, 14 de junho, entre o Sindicato Rural de Cuiabá e a Seaf, o secretário-adjunto de Agricultura Familiar, Corgésio Albuquerque, destacou a parceria entre a Secretaria, o Sindicato Rural, a Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT) que montará uma estrutura com um mini-laticínio para o público conferir de perto todo o processo da cadeia leiteira, desde a ordenha e higienização até a chegada do leite à casa do consumidor.

“Acreditamos que esses eventos abrem um leque e cria uma quebra de paradigma que aproxima agricultura familiar com o publico, pois mostra o potencial da cadeia leiteira que o estado possui", diz Corgésio, frisando que busca-se com esse projeto alavancar a sustentabilidade com a agricultura familiar, em especial da bacia leiteira.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • fernando
    16 Jun 2016 às 10:27

    E a Prefeitura de Cuiabá onde fica neste contexto

Sitevip Internet