Olhar Agro & Negócios

Sexta-feira, 23 de abril de 2021

Notícias / Agronegócio

raça em expansão

Vice-presidente da ABCCC destaca potencial de MT na criação de cavalos Crioulos

Especial para o Agro Olhar - Thalita Araújo

05 Out 2012 - 19:12

Foto: Thalita Araújo

Vice-presidente da ABCCC destaca potencial de MT na criação de cavalos Crioulos
O vice-presidente da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Frederico Wolf, acredita que Mato Grosso poderá ser nos próximos anos um representativo polo de criação de animais da raça no país.

Em entrevista ao Agro Olhar na última semana, durante a 1ª Exposição Morfológica e o 1º Crioulaço do Estado, na cidade de Campo Verde, Wolf destacou que Mato Grosso tem ainda um núcleo pequeno de criação, mas que já teve uma evolução muito expressiva no ano passado para cá.

“Tenho acompanhado de perto. A criação de cavalos Crioulos evoluiu muito em um ano. Os criadores daqui têm buscado animais importantes no Sul do país e estão na porteira do crescimento”, afirmou o vice-presidente da ABCCC.

Wolf elogiou, ainda, os criadores da região, que, segundo ele, estão muito qualificados e estimulados. “São empresários e produtores rurais que estão emprenhados. Tenho certeza de que vão desenvolver muito a criação de Crioulos em MT e ganhar mercado, pois têm uma preocupação grande com a qualidade e o padrão dos animais”, ressaltou.

O Cavalo Crioulo pelo país

Frederico Wolf destacou que aos 80 anos, a ABCCC conta hoje com mais de 350 mil animais registrados pelo país. A maioria deles, aproximadamente 85%, concentrada na região Sul, entre Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

“É um cavalo muito versátil e, por isso, tem espaço em qualquer região do Brasil. É extremamente funcional e se adapta muito bem à pecuária”, explicou.

O vice-presidente da ABCCC também disse que a raça tem muito a crescer nacionalmente, principalmente nas regiões Norte e Centro-Oeste.

Fora do Sul existem atualmente núcleos fortes em São Paulo e na região Norte, em Rondônia por exemplo, e outros núcleos menores se fortalecendo pelo país.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet