Olhar Agro & Negócios

Domingo, 21 de julho de 2024

Notícias | Geral

SUDECO

Fundo de R$ 1,4 bi incentivará produção nacional de trilhos para construção de ferrovias

O anúncio foi feito pelo superintendente da Sudeco, Marcelo Dourado, durante o Fórum do Futuro - Propostas para o desenvolvimento sustentável para a região Centro-Oeste, ocorrido nesta quinta-feira (8), em Brasília.

Foto: Reprodução

Objetivo é baratear construção de ferrovias no Brasil

Objetivo é baratear construção de ferrovias no Brasil

A Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) vai gerenciar a partir de janeiro de 2013 um montante de R$ 1,460 bilhão para financiar a produção de trilhos destinados às ferrovias do país. 


O anúncio foi feito pelo superintendente da Sudeco, Marcelo Dourado, durante o Fórum do Futuro - Propostas para o desenvolvimento sustentável para a região Centro-Oeste, ocorrido nesta quinta-feira (8), em Brasília.

Segundo o superintendente, o dinheiro está disponível no Fundo de Apoio à Produção de Trilhos no Centro-Oeste (FTCO) e poderá ser acessado por empresas brasileiras e estrangeiras que tenham CNPJ nacional.

"Atualmente o Brasil é o maior produtor de minério de ferro do mundo, um dos maiores exportadores desta commoditie e acabamos importando trilhos de empresas de países como China, Estados Unidos e Europa. Não há nenhuma fábrica de trilhos no Brasil e precisamos mudar este panorama", argumenta.

Marcelo Dourado garante que o dinheiro já está previsto no Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA). Entusiasta da implantação de ferrovias, ele lembra que Mato Grosso deve ser um dos estados mais beneficiados com a criação do Fundo.

"Vamos inventivar pequenas, médias e grandes empresas para alavancar o crescimento do país na área de logística de transportes. A produção agropecuária de Mato Grosso e o crescimento de toda a região Centro-Oeste dependem deste incentivo a investimentos em logística", acrescenta.

O superintendente lembra ainda que Brasília vai entrar em colapso até 2020 se nenhum investimento em ferrovias for feito no Distrito Federal e destaca a região entre Goiânia e Brasília, que deve ser transformar em uma conurbação com mais de 10 milhões de habitantes.

"Só com incentivo às ferrovias é que estas regiões continuarão crescendo e tendo qualidade de vida à sua população", finaliza.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
Sitevip Internet