Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Notícias | Agronegócio

vantagens

Falta de infraestrutura nas estradas e ausência de ferrovia alavanca vendas de aviões executivos

A Empresa Brasileira de Aeronáutica S.A. (Embraer) revelou que as vendas de jatos cresceram 15% em 2012 se comparado a 2011. Toda essa porcentagem foi destinada para o agronegócio.

Foto: Reprodução/Ilustração

Falta de infraestrutura nas estradas e ausência de ferrovia alavanca vendas de aviões executivos

Falta de infraestrutura nas estradas e ausência de ferrovia alavanca vendas de aviões executivos

A venda de aviões executivos no Brasil cresce cerca de 10% ao ano e tem o agronegócio um dos maiores responsáveis. Os dados são da Associação Brasileira de Aviação Geral (Abag), que apontou que a venda de jatos, turboélices e helicópteros aumentou. Para a Abag, a extensão do país, as reduzidas rotas da aviação comercial e a necessidade de uma logística mais eficiente são fatores que pesaram para o aumento da busca por aeronaves no país.


Maggi diz a ministro que setor agroindustrial precisa ser fortalecido

Mitsubishi passa a controlar 80% da Ceagro por US$ 498 milhões


A falta de ferrovia e infraestrutura nas estradas também faz com que os produtores recorrem para a compra de aviões. O novo Ministro da Aviação Civil, Moreira Franco, falou do problema em entrevista à revista 29 Horas.

“Nesse campo, [o transporte aéreo é o principal meio de integração] estamos hoje mais ou menos como estavam os Estados Unidos nas décadas de 60 e 70. Portanto muito atrasados, precisamos primeiro criar uma infraestrutura, e, também de uma política de subsídio, para garantir o acesso da população a esse tipo de serviço”, declarou.

O ministro ressaltou também que um programa de aviação regional irá intervir em 270 aeroportos para voos médios e curtos, em cidades com população média de 100 mil habitantes. Ao todo, serão investidos R$ 7,5 bilhões para reformas dos espaços.

A notícia vem em um momento promissor para o agronegócio, quando o Brasil se torna o primeiro produtor e exportador mundial de soja e maior exportador de milho. Neste ano, colhe-se a safra recorde de grãos, cerca de 185 milhões de toneladas.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), 122 municípios brasileiros possuem voos regulares. Enquanto, a aviação executiva chega a 3.500 cidades, conforme a Abag. Números que na ponta do lápis mostra vantagens para os executivos do agronegócio em adquirir uma aeronave.

A Empresa Brasileira de Aeronáutica S.A. (Embraer) revelou que as vendas de jatos cresceram 15% em 2012 se comparado a 2011. Toda essa porcentagem foi destinada para o agronegócio.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet