Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Notícias | Logística

ASFALTO DA MT-100

Silval afirma que asfalto vai dar competitividade à agricultura familiar e agronegócio do Araguaia

Foto: Ednilson Aguiar/Secom-MT

Silval Barbosa e comitiva no lançamento da pavimentação da MT-100

Silval Barbosa e comitiva no lançamento da pavimentação da MT-100

Passados quase meio século de espera e três décadas de promessas não cumpridas, a rodovia MT-100 – ligando Araguaiana até Alto Araguaia, num total de 241 quilômetros, finalmente será asfaltada, até meados de 2014. A garantia partiu do governador Silval Barbosa (PMDB), por considerar fundamental assegurar condições de escoamento para a produção, como mecanismo para aumentar a produtividade e, também, fixar o homem no campo.


Silval Barbosa tem utilizado o Programa ‘Bom Dia, Governador’, veiculado pela Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) em dezenas de emissoras de rádio de Mato Grosso, para mostrar as vantagens dos investimentos do Programa MT Integrado e Sustentável. “Eu vi várias fotografias de lançamento desta rodovia [pavimentação da MT 100] que tem mais de 20 anos. Agora, não foi lançamento, mas, sim, início das obras, pois fomos lançar com os maquinários já trabalhando”, destaca ele.

“Por onde passamos, recebemos cumprimentos. Porque é a certeza do poder de competitividade do agronegócio. E, principalmente, servirá para a consolidação da agricultura familiar e, por conseqüência, fomento da economia”, pontua Silval.

Um sonho antigo da população do Araguaia, as estradas asfaltadas vão reduzir distâncias para o escoamento da produção, facilitar o acesso aos municípios vizinhos, fomentar o turismo e gerar emprego e renda. “São cidades como estas que queremos atender para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Agora as máquinas começam a trabalhar e esse sonho vai se tornar realidade. Faço uma avaliação positiva desta viagem, pois vi a felicidade da população. Vou acompanhar de perto as obras”, avisa Barbosa.

Silval deu a ordem de serviço para a construção da MT 100 nos municípios de Alto Araguaia, Araguainha, Ponte Branca, Ribeirãozinho, Torixoréu, Barra do Garças, Pontal do Araguaia e Araguaiana. A obra encurta distâncias da região até o terminal ferroviário de Alto Araguaia e já atrai investidores para a região.



Dinamizar turismo

Existe a aexpectativa é da região do Argauaia se consolide como ponto turístico no Centro-Oeste e, por extensão, de todo o Brasil. “Vai possibilitar a dinamização do turismo regional, principalmente entre Ponte Branca e Araguainha”, afiança Silval.





As duas cidades estão numa cratera de no mínimo 40 quilômetros, que até agora só atraiu renomados cientistas da Europa e outras regiões do Brasil, além de piratas. A maioria da população de Mato Grosso desconhece a existência do mais importante Sítio Geológico Nacional, reconhecido pela UNESCO, o ‘Domo Araguainha’.

Quem vê a estranha paisagem nem sempre sabe que contempla o resultado de um impacto profundo provocado há 265 milhões de anos, pela queda de um meteoro de 2.800 metros, a uma velocidade de 60 km por hora que provocou efeito da explosão de 1.700 bombas atômicas como a que destruiu Hiroshima.

O impacto é registrado como uma das sete ocorrências de extinção da biodiversidade: o fim do mundo.O asfalto da MT 100, que irá cortar o parque, é o suficiente para a inclusão da região num roteiro que vai extrapolar os interesses científicos, permitindo uma fiscalização mais efetiva para evitar o contrabando de pedras e gerar emprego e renda para Ponte Branca e Araguainha.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet