Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 12 de junho de 2024

Notícias | Política

super safra

Ministro atende pedido de Homero e amplia prazo para certificação de armazenistas

“Estes armazéns servem de pulmão para receberem a safra do campo, secando e limpando este produto, mandando para exportação e para a indústria de transformação. Obviamente teremos um déficit de armazenagem porque a produção cresceu muito e armazenagem ficou estática, mas o fato de se ter esses armazéns credenciados desafoga a colheita, que para nós é importante para o produtor colher com tranquilidade”, conclui.

Foto: Reprodução

Em tratamento contra câncer, Homero comemora prorrogação de prazo de credenciamento

Em tratamento contra câncer, Homero comemora prorrogação de prazo de credenciamento

O ministro da Agricultura Antônio Andrade assinou nesta terça-feira (9.7) portaria que prorroga para 31 de janeiro de 2014 o prazo para que os armazenistas façam a certificação de silos e armazéns com vistas à estocagem de grãos do país A portaria atende a uma antiga reivindicação do deputado Homero Pereira (PSD-MT) e dos armazenistas que haviam sido prejudicados com a suspensão do antigo prazo por parte do governo. A portaria ainda não tem número porque será publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira.


“Estive com o ministro por várias vezes atendendo a uma demanda não só de Mato Grosso, mas de produtores rurais de todo o Brasil. O novo prazo vai permitir que produtores possam se adaptar e com isso todos esses armazéns possam estar credenciados a praticar esta política de preços mínimos (PPMs). Esses armazéns estarão automaticamente credenciados a operar com o governo federal”, afirmou Homero com exclusividade ao Agro Olhar em Brasília.

Governo isenta produtores de pagar ICMS para 'sumir' com déficit de armazenagem

Segundo o deputado, que embora esteja de licença para tratamento contra o câncer ainda acompanha os debates e a pauta legislativa da Frente Parlamentar da Agropecuária, esta é uma medida importante em um momento em que todo o país está colhendo uma grande safra de milho e na eminência de estes grãos ficarem a céu aberto.

“Quem sabe, com esta decisão do ministro a gente possa amenizar este problema e não ter esta situação vexatória de ver este produto armazenado a céu aberto”, acrescenta.

Estrutura deficitária preocupa produtores; silos não comportam produção de milho safrinha

Homero reconhece que a medida é insuficiente para atender à demanda devido ao fato de a capacidade instalada no Brasil ser muito aquém da produção atual. Mas afirma que a ampliação do número de credenciados vai desafogar a colheita.

“Estes armazéns servem de pulmão para receberem a safra do campo, secando e limpando este produto, mandando para exportação e para a indústria de transformação. Obviamente teremos um déficit de armazenagem porque a produção cresceu muito e armazenagem ficou estática, mas o fato de se ter esses armazéns credenciados desafoga a colheita, que para nós é importante para o produtor colher com tranquilidade”, conclui.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet