Olhar Agro & Negócios

Domingo, 16 de junho de 2024

Notícias | Geral

2024/25

Mato Grosso deve produzir mais de 5,2 bilhões de litros de etanol de milho na nova safra

Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

Mato Grosso deve produzir mais de 5,2 bilhões de litros de etanol de milho na nova safra
Dados do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) apontam que a produção de etanol à base de milho em Mato Grosso deve ter um aumento de 14,64% na safra 2024/25. Isso representa uma produção superior a 5,2 bilhões de litros.


Leia também:
Capacidade das indústrias e abertura de novas processadoras auxiliam alta no esmagamento da soja

Na safra de 2023/24, o estado atingiu a produção de 4,54 bilhões de litros e se consolidou como o maior produtor nacional de etanol de milho.

No que tange à moagem, foram necessários 10,11 milhões de toneladas do cereal para produzir o volume de etanol da safra 2023/24. 

A boa perspectiva segue para a nova safra sendo que para a nova safra deve haver a moagem de 11,5 milhões de toneladas do cereal para a produção dos 5,2 bilhões de etanol.

Mato Grosso é o estado com maior produção de etanol de milho no país, com onze plantas em funcionamento. Segundo o presidente da Datagro, Plinio Nastari, das onze plantas, seis são exclusivas de etanol de milho e cereais.

"São estes investimentos que vão alavancar a produção de matérias-primas sustentáveis para a produção de bioenergia, que inclui o biodiesel, o etanol, o biometano, e Mato Grosso é um exemplo nesta direção, com integração com soja, com milho de segunda safra, a conversão deste milho em etanol, DDG (grão de destilaria secos - do inglês Dried Distillers Grains), óleo de milho, a transformação da soja em farelo, que vira biodiesel”, disse o presidente.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet