Olhar Agro & Negócios

Sábado, 25 de junho de 2022

Notícias | Geral

LEVANTAMENTO

Venda de veículos novos em MT tem alta de 7,65% em 2021; Fenabrave calcula 97 mil automóveis emplacados

Foto: Rogério Florentino - Olhar Direto

Venda de veículos novos em MT tem alta de 7,65% em 2021; Fenabrave calcula 97 mil automóveis emplacados
A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, Fenabrave, publicou levantamento sobre as vendas de veículos novos em MT e apontou que houve crescimento de 7,65% em 2021. Conforme divulgado, no ano passado aconteceu o emplacamento de 96.675 mil unidades de automóveis, entre comerciais leves, motos, caminhões, ônibus e implementos rodoviários. O diretor da Federação no estado, Paulo Boscolo, apontou que o crescimento poderia ter sido maior caso a produção tivesse alcançado as altas demandas para o setor.

Leia mais
Mato Grosso registra abertura de mais de 75 mil empresas em 2021; setor de serviços foi o que mais cresceu

Em comparação com 2020, houve um crescimento de 7,65% que, para o diretor-presidente da federação, “a produção reduzida e a demanda em alta, as montadoras mostraram necessidade de aumentar o valor agregado para poder fechar a conta. O aumento nos preços ocorreu em todos os segmentos. A alta generalizada chegou a 30%”.

Foi informado pela assessoria da Femabrave que, para 2022, os produtos em falta somado à alta demanda com fila de espera por modelos, ainda há que se pontuar sobre o vigor do Proconve L7, programa brasileiro antipoluição que estabelece limites rigorosos de emissão nos modelos produzidos a partir de março deste ano.

Dentre outros pontos, a Proconve visa mudanças que são relevantes para o meio ambiente, pois envolvem isolamento do circuito de combustíveis, que evita liberação de vapores enquanto o carro está desligado. Além disso, a medida vai impactar nas fases de comercialização dos modelos produzidos em 2021/22, que estão sendo vendidos em 2022. Enquanto os modelos 2022/22 serão vendidos apenas em 22/23.

O levantamento calculou que os segmentos de automóveis e comerciais leves, juntos cresceram 8,77%, com 44.489 unidades em 2021, contra 41.234 em 2020. Considerando apenas os carros de passeios, ocorreu queda de 0,11%. O segmento de comerciais leves (picapes e furgões) apresentou sozinho crescimento de 29,4%.

As vendas de motos em 2021 atingiram 35.742 mil em vendas. Em 2020, 35.302, o que representa um aumento de 1,25% nas comercializações do segmento.

Para o segmento pesado dos caminhões, as vendas atingiram a maior alta entre todos os outros. Segundo levantamento, houve 4.368 emplacamentos em 2021 contra 3.139 em 2020. O que representa alta de 39,15%, motivada principalmente pelo constante e ascendente trabalho do agronegócio.

As vendas de ônibus subiram 111%, somando 513 unidades contra 243 em 2020. O segmento representa uma participação menor no mercado, mesmo assim surpreendeu.

Implementos rodoviários: Para os implementos rodoviários (reboques, semi-reboques e carrocerias), teve aumento de 11,31% com a venda de 7.184 unidades. No ano anterior, foram 6.454 unidades.  
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet