Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 01 de dezembro de 2020

Notícias / Economia

Mato Grosso tem a terceira menor cidade do país e Cuiabá é a 20ª capital em população, diz IBGE

Da Redação - Isabela Mercuri

28 Ago 2019 - 10:03

Foto: Reprodução

Araguainha é a terceira menor cidade do país

Araguainha é a terceira menor cidade do país

As estimativas das populações dos nos 5.570 municípios brasileiros foram divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quarta-feira (28). Os números tem data de referência em julho de 2019. Foi identificado que Mato Grosso possui a terceira menor cidade do país: Araguainha (MT), com 935 habitantes. Além disso, Cuiabá ficou em 20º lugar entre as 27 capitais, em número de habitantes: 612.547. Mato Grosso soma 3.484.466 pessoas.
 
Leia também:
Acordo com Azul possibilitará vôo de Juína a Orlando com ticket único e duas conexões

Segundo a Agência de Notícias do IBGE, estima-se que o Brasil tenha 210,1 milhões de habitantes e uma taxa de crescimento populacional de 0,79% ao ano, apresentando queda do crescimento quando comparado ao período 2017/2018, conforme a Projeção da População 2018.
 
Em Cuiabá, a taxa de crescimento foi de 0,89%, ou seja, 0,10% a mais do que a média nacional. A terceira menor cidade do Brasil, Araguainha, perde para Saudade (MG), com 781 habitantes, e Borá (SP), com 837 habitantes.
 
Segunda cidade mais populosa de Mato Grosso, Várzea Grande tem 284.971 habitantes. E Rondonópolis, a terceira, soma 232.491. Nenhuma cidade do estado, exceto a capital, tem mais que 500 mil habitantes.
 
As estimativas populacionais municipais são um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União para o cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios e são referência para vários indicadores sociais, econômicos e demográficos. Esta divulgação anual obedece ao artigo 102 da Lei nº 8.443/1992 e à Lei complementar nº 143/2013.
 
As populações dos municípios foram estimadas por procedimento matemático e são o resultado da distribuição das populações dos estados, projetadas por métodos demográficos, entre seus diversos munícipios.
 
O método baseia-se na projeção da população estadual e na tendência de crescimento dos municípios, delineada pelas populações municipais captadas nos dois últimos Censos Demográficos (2000 e 2010) e ajustadas. As estimativas municipais também incorporam alterações de limites territoriais municipais ocorridas após 2010.
 
A tabela com a população estimada para cada município foi publicada no Diário Oficial da União (D.O.U.) de hoje. Dos 5.570 municípios do país, 28,6% apresentaram redução populacional. Aproximadamente metade (49,6%) dos municípios tiveram crescimento entre zero e 1% e apenas 4,8% (266 municípios) apresentaram crescimento igual ou superior a 2%.
 
O grupo de municípios com até 20 mil habitantes apresentou, proporcionalmente, o maior número de municípios com redução populacional. Já no grupo de municípios entre 100 mil e um milhão de habitantes, está presente a maior proporção de municípios com crescimento superior a 1% ao ano. Os municípios com mais de um milhão de habitantes concentram crescimento entre zero e 1% ao ano.
 
Confira a lista de municípios e suas populações AQUI.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet