Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Agricultura Familiar

Beneficiários do Pronaf podem ter acesso desbloqueado, após intervenção de Cidinho Santos

Da Redação - Viviane Petroli

04 Ago 2016 - 09:12

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

Beneficiários do Pronaf podem ter acesso desbloqueado, após intervenção de Cidinho Santos
As Declarações de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) podem ser desbloqueadas. Os benefícios foram suspensos por decisão do Tribunal de Contas da União. Mato Grosso conta com 110 mil produtores beneficiados para receber o Pronaf e cerca de 50% tiveram o benefício bloqueado.

A suspensão do beneficio atende ao acórdão 775/2016 TCU-INCRA. O relatório aponta que o Pará lidera com 79,4 mil beneficiários bloqueados, seguido de Mato Grosso com 66,6 mil.

Leia mais:
Suspensão de benefícios do Pronaf traz risco à agricultura familiar, diz Cidinho Santos

O senador Cidinho Santos (PR-MT) esteve reunido na quarta-feira, 03 de julho, em Brasília (DF), com o ministro Augusto Sherman Cavalcante, relator do acórdão 775/2016 que definiu pela suspensão. Na ocasião o senador mato-grossense conseguiu junto ao Tribunal de Contas da União (TCU) que o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) desbloqueie as Declarações de Aptidão ao Pronaf (DAP´s), que foram suspensas, conforme os pequenos produtores apresentarem a documentação mostrando que estão regulares.

Decisão anterior destacava que o INCRA teria de refazer todas as inscrições dos produtores da agricultura familiar no programa, além de visitar as propriedades. Tal colocação foi classificada inviável na ocasião pela Federação dos Trabalhadores da Agricultura de Mato Grosso (Fetagri) e que prejudicaria a próxima safra.

"É um trabalho árduo que o Incra terá que fazer de forma muito ágil, em tempo hábil, pois nos próximos dias começam os custeios da próxima safra, mas acredito que teremos avanço grande para que os agricultores familiares que estão dentro da lei, que cumprem a lei não sejam prejudicados", pontuou Cidinho.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Josiane Costa cruz
    29 Abr 2019 às 14:32

    Meu benefício veio bloqueado o que precisa pra mim receber esse benefício

Sitevip Internet