Olhar Agro & Negócios

Sexta-feira, 19 de julho de 2024

Notícias | Agronegócio

SETOR ATENTO

Guia de Contribuição Sindical Rural começam a ser enviadas em abril para produtores

Foto: José Medeiros/GCom-MT

Guia de Contribuição Sindical Rural começam a ser enviadas em abril para produtores
A guia de recolhimento da Contribuição Sindical Rural pessoa física começa a ser enviada no próximo dia 1º de abril aos produtores rurais. Entidades alertam os produtores quanto ao recebimento e o vencimento em 22 de maio.


As guias são emitidas pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Elas são emitidas com base nas informações prestadas pelos produtores na Declaração do Imposto Sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR), repassadas à entidade pela Receita Federal.

A previsão é que as guias comecem a ser enviadas na primeira quinzena de abril. O vencimento da contribuição é 22 de maio.

Leia mais:
Restituição do Imposto de Renda será liberada a partir de junho; em Mato Grosso são 460 mil declarações

Conforme o Supervisor de Arrecadação da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Balthazar Borges Barbosa, a CNA encaminha o documento aos contribuintes por meio de mala postal dos correios, contudo em caso de não recebimento ou extravio, o produtor devem procurar o Sindicato Rural de sua região, a Famato ou entrar no site do Canal do Produtor.

O Supervisor de Arrecadação da Famato explica que o pagamento da Contribuição Sindical é obrigatório para todos os proprietários de imóveis rurais acima de dois módulos. Caso o produtor possua mais de uma propriedade e a soma das mesmas for acima de dois módulos rurais, ele é obrigado a recolher o imposto, bem como caso o produtor, independente do tamanho da área, possuir um funcionário.

Do valor arrecadado, 60% tem como destinação o Sindicato Rural, 5% para a CNA, 15% para a Federação e 20% para o Ministério do Trabalho.

"O total arrecadado pela contribuição sindical rural é aplicado na prestação dos serviços ao produtor rural, atuando em sua representatividade, combatendo seus interesses, realizando palestras referente a assuntos variados da classe produtora rural e realizando diagnósticos e pareceres das cadeias produtivas", salienta o Gestor Financeiro da Famato, Thiago Paes.

Para imprimir a segunda guia da Contribuição Sindical Rural 2016, caso não receba via correio acesse: http://www.canaldoprodutor.com.br/contribuicao-sindical/2a-via-contribuicao-sindical.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet