Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Agricultura Familiar

Pequenos produtores em Vila Bela da Santíssima Trindade recebem resfriadores de leite

Da Redação - Viviane Petroli

22 Mar 2016 - 11:54

Foto: Henrique Pimenta/Seaf-MT

Pequenos produtores em Vila Bela da Santíssima Trindade recebem resfriadores de leite
Oito resfriadores de leite foram entregues para pequenos produtores de Vila Bela da Santíssima Trindade no último final de semana. Cada equipamento possui capacidade para dois mil litros de leite. Hoje, o estado produz cerca de 800 milhões de litros de leite por ano.

O equipamento faz parte do Programa Pró-Leite do Governo de Mato Grosso, desenvolvido por meio da Secretaria de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (Seaf). O programa visa fortalecer a cadeia produtiva do leite, da produção a comercialização. Atualmente, 60% da cadeia de leite está ligada à agricultura familiar.

Leia mais:
Seca reduz produção de leite em Mato Grosso em 14% e impacta ao consumidor

Somente em Vila Bela da Santíssima Trindade são produzidos ao ano em torno de 15 milhões de litros de leite.

Segundo o secretário da Seaf, Suelme Fernandes, o objetivo da entrega aos produtores do município é modernizar os equipamentos focando na qualidade da produção e na agregação de valor no momento da comercialização dos produtos lácteos.

Os resfriadores entregues em Vila Bela da Santíssima Trindade foram adquiridos por meio do convênio 810911/2014 firmando entre o Governo do Estado e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que tem como objeto a aquisição de 98 Resfriadores de leite de 1.000 e 2.000 litros e dois tanques isotérmicos, totalizando o valor de R$ 1.980.000.

A secretária adjunta de administração sistêmica da Seaf, Vanessa Queirós, revela que “Pelo menor preço, adquirimos o convênio todo pelo valor de R$ 949.947, ou seja, economizamos nesta aquisição com equipamentos de primeira qualidade 50% do valor total e com o saldo que sobrou iremos adquirir mais equipamentos para trazer tecnologia para a bacia leiteira, fortalecendo o Pró-Leite”.

O presidente da Associação dos Remanescentes Quilombolas, Adair de Moraes, agradeceu ao governador Pedro Taques o apoio do governo de Mato Grosso para o desenvolvimento da cadeia de leite local.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Adair José de Moraes
    22 Mar 2016 às 16:18

    Eu não sabia da existência de um xará por essas bandas de Vila Bela. Entretanto, opino que os investimentos em laticínios seriam melhor empregados nas proximidades de Barra do bugres e Tangará da Serra, onde concentram mais consumidores.

Sitevip Internet