Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 28 de maio de 2020

Notícias / Pecuária

OIE aprova pedido de Mato Grosso para zona livre da peste suína clássica

Da Redação - Viviane Petroli

19 Fev 2016 - 09:03

Foto: Indea

OIE aprova pedido de Mato Grosso para zona livre da peste suína clássica
A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) aprovou o pedido para ampliar o status de zona livre da peste suína clássica para Mato Grosso. A solicitação foi realizada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para 14 estados e o Distrito Federal. Hoje, apenas o Rio Grande do Sul e Santa Catarina possuem o certificado de zona livre da doença, conquistado em maio do ano passado na 83ª Sessão-Geral da OIE, em Paris.

A aceitação do pedido é um passo a mais para Mato Grosso obter o certificado de zona livre da peste suína clássica. Foram aceitos pedidos para status de livre da doença, além de Mato Grosso, para o Distrito Federal, Acre, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

Leia mais:
Com status livre de peste suína, Mato Grosso busca certificado internacional da OIE para exportar

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, estão na lista os municípios de Guajará, Boca do Acre, sul do município de Canutama e sudoeste do município de Lábrea, no Amazonas.

O secretário de Defesa Agropecuária do ministério, Luis Rangel, classificou que a "conquista é resultado de um grande esforço da defesa agropecuária e um reconhecimento da competência técnica brasileira".

Diante o referendo da OIE, os 180 países-membros da organização possuem 60 dias para se manifestar tecnicamente quanto ao assunto.

“Caso haja algum questionamento, o ministério vai manter uma equipe de prontidão para esclarecimentos”, afirma o chefe do Departamento de Saúde Animal, Guilherme Marques.

Conforme o Ministério, após esta etapa a solicitação seguirá para a assembleia da OIE para votação final (22 a 27 de maio, em Paris) e posterior entrega do certificado ao Brasil.

A peste suína clássica é uma doença causada por um vírus e considerada altamente contagiosa. Ela provoca febre alta nos animais, além de manchas avermelhadas, paralisia nas patas traseiras, dificuldades respiratórias e pode provocar a morte do animal.

No Brasil os últimos casos de peste suína clássica registrados foram em agosto de 2009 nos estados do Amapá, Pará e Rio Grande do Norte,

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet