Olhar Agro & Negócios

Sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Notícias / Meio Ambiente

Mato Grosso registrou recolhimento de 8,5 mil toneladas de embalagens de defensivos

Da Redação - Viviane Petroli

26 Out 2015 - 15:02

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

Mato Grosso registrou recolhimento de 8,5 mil toneladas de embalagens de defensivos
Mato Grosso foi responsável pelo recolhimento de 23,1% das embalagens de defensivos agrícolas do Brasil. O estado encaminhou para o sistema de logística reversa 8.536 toneladas de embalagens vazias de agrotóxicos em meio as 36.925 toneladas do Brasil. De janeiro a setembro Mato Grosso registrou alta de 4% na destinação de forma ambiental correta das embalagens.

O incremento de 4% em comparação as 8.225 toneladas de 2014 tem haver com o aumento da área destinada para a produção de grão em Mato Grosso. O estado encerrou a safra 2014/2015 com 51,6 milhões de toneladas de grãos, superior as 47,7 milhões de toneladas do ciclo 2013/2014. Em termos de área houve alta de 1,8%, de acordo com a Companhia Nacional do Abastecimento (Conab).

Leia mais:
Mato Grosso destina equipamentos agrícolas e insumos para agricultores familiares de Poxoréu

Os números de destinação adequada das embalagens de defensivos agrícolas são do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV), com base nos recolhimentos do Sistema Campo Limpo (logística reversa de embalagens vazias de agrotóxicos). Segundo o inpEV, Mato Grosso segue líder em destinação correta de tais embalagens.

"Num país tão grande como o Brasil, é um desafio realizar a gestão de resíduos sólidos. Temos conseguido desempenhar nossa missão com excelência e hoje somos referência mundial na área", destaca o diretor-presidente do inpEV, João Rando.

Entre janeiro e setembro no Brasil foram recolhidas 36.925 toneladas de embalagens de defensivos, 6% a mais que as 34.714 toneladas do ano passado.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet