Olhar Agro & Negócios

Sexta-feira, 20 de setembro de 2019

Notícias / Capacitação

Capacitação em cafeicultura passa a ser ofertada este mês pelo Senar-MT

Da Redação - Viviane Petroli

01 Set 2014 - 09:37

Foto: Reprodução/Internet

Capacitação em cafeicultura passa a ser ofertada este mês pelo Senar-MT
Sete treinamentos ligados a cadeia produtiva do café passam a ser ofertados em Mato Grosso em setembro. A cultura no Estado ainda é pequena. Somente em 2014 cerca de 169,8 mil sacas de 60 quilos de café foram colhidas.

Os treinamentos serão ofertados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT), após uma solicitação do Sindicato Rural de Rondolandia que apresentou a necessidade de capacitação na cadeia produtiva de café em Mato Grosso. Com a entrada da cultura Mato Grosso passa a ter 15 cadeias produtivas atendidas pelo Senar-MT com capacitação.

Segundo o Senar-MT, serão disponibilizados sete treinamentos na cafeicultura: Adubação Manual e mecanizada da lavoura de café; Colheita de café; Formação da lavoura de café; Manejo integrado de pragas e doenças do cafeeiro; Poda manual e mecanizada do café; Pós colheita do café via seca e úmida; e Produção de mudas de café.

Leia também
Senar-MT abre mais de 5 mil vagas em 392 treinamentos
Curso de identificação de árvores e madeiras serão ministrada em setembro em Sinop

Entre os dias 1º e 4 de setembro será realizado o primeiro treinamento sobre "Formação de Lavoura" com carga horária de 24 horas. Já entre 22 e 25 de setembro será a vez do treinamento de "Poda manual e mecanizada de café" com 32 horas de duração. As aulas serão ministradas no com turmas compostas por 10 participantes e a mobilização dos mesmos está a cargo do Sindicato Rural de Rondolandia, comenta o Senar-MT.

O solo forte e o clima de Rondônia, Estado vizinho de Rondonlandia, são alguns dos fatores que levaram o Sindicado Rural da cidade mato-grossense a solicitar treinamentos na cafeicultura, como relata o gerente sindical de Rondolandia, Edimar Ricarte. Ele salienta que é natural que características de solo e clima ultrapassem a divisa geográfica. "A prefeitura de Rondolandia está com um projeto que incentiva a produção do café clonal e agora os produtores estão estimulados, ainda mais que houve melhora no preço do grão", comenta Edimar, em nota do Senar-MT.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet