Olhar Agro & Negócios

Domingo, 21 de julho de 2024

Notícias | Logística

Usina Teles Pires

Depois de passar por Cuiabá, transporte de mega-peça é interrompido para manutenção

Foto: Rota do Oeste/Odebrecht TransPort

Depois de passar por Cuiabá, transporte de mega-peça é interrompido para manutenção
O segundo rotor da Usina Hidrelétrica de Teles Pires, depois de um adiamento de transporte, passou a Cuiabá e Várzea Grande neste domingo (20). No entanto, o transporte teve que ser interrompido por conta de uma manutenção em um dos veículos que puxam a mega-peça. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o rotor ficará parado há cerca de 10 Km do Trevo do Lagarto, em direção a Jangada, até que a manutenção seja concluída. A previsão é de que o maquinário volte a ser transportado até Paranaíta (849 Km de Cuiabá), local onde será construída a Usina, nesta segunda-feira (21).


Leia mais: Chegada de rotor a Cuiabá é adiada para domingo; Liberação de documento atrasada o transporte
Rotor é entregue em usina hidrelétrica após 25 dias; Outra peça está a caminho

A peça deveria ter passado pela capital mato-grossense na quinta-feira (17), porém, em decorrência de atrasos na liberação de documentos, a passagem foi transferida para domingo (20). O tráfego deverá ficar mais lento nas próximas três semanas por conta do transporte da peça, que segue pela BR-163 e, posteriormente, pela MT-320, na fronteira com o Pará. O rotor segue viagem escoltado pela Polícia Rodoviária Feredal (PRF) e faz paradas obrigatórias a cada 30 Km.

A previsão é que a partir do momento em que entrar na BR-163 o equipamento leve cerca de 15 dias para chegar até Paranaíta. A Rota do Oeste também acompanha o transporte com equipes de apoio e de consultoria técnica, que fará o monitoramento da estrutura em cinco pontes e viadutos ao longo da BR-163. A intenção da concessionária é mensurar o impacto da passagem da carga nesta estruturas.

Este é o segundo rotor a seguir para a Usina Hidrelétrica de Teles Pires. O primeiro chegou no início de junho e outros três equipamentos devem ser chegar a Mato Grosso ainda em 2014.

Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet