Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 23 de julho de 2024

Notícias | Logística

Vicente Vuolo

Trecho da ferrovia de Rondonópolis - Cuiabá deve ficar pronto antes de 2018, diz estudo

10 Dez 2013 - 18:00

Enviado especial ao terminal da América Latina Rondonópolis - Ronaldo Pacheco/ Da Redação - Jardel P. Arruda

Foto: Reprodução

Trecho da ferrovia de Rondonópolis - Cuiabá deve ficar pronto antes de 2018, diz estudo
As projeções mais otimistas indicam que os trilhos da ferrovia senador Vicento Vuolo devem chegar a Cuiabá em fim de 2017. O estudo executado pela Universidade Federal de Santa Catarina, que incluem o projeto básico, Estudo e Relatório de Impacto (Eia/Rima), leva em conta que os trilhos margeiem o pantanal, depois seguir para Sinop, Médio Norte de Mato Grosso, e siga para Santarém, no Pará.


Leia mais: Bancada apresenta R$ 1,3 bi em emendas mas deixa ferrovias e hidrovias sem recursos

Atualmente, o terminal da América Latina Logística (ALL), em Rondonópolis, está transportando cerca de 10 milhões de toneladas de grãos e outros produtos ao ano. Isso ainda significa uma capacidade ocioso de 5 milhões de tonelada, o limite de operação do terminal é a maior da América Latina.

O secretário Extraordinário de Acompanhamento da Logística Intermodal de Transportes, Francisco Vuolo, considera um avanço histórico o transporte estar funcionando em Rondonópolis, pois a Ferronorte tinha desistido do projeto quando a ferrovia havia chegada em Alto Taquaria, há 10 anos atrás.

A Valec então passou a trabalhar em uma reengenharia para transferir os trabalhos para a ALL e agora Vuolo acredita que os trilhos cheguem a Cuiabá antes de 2018. “Parece muito tempo, mas passa rápido”, afirmou o secretário Francisco Vuolo, que é filho do idealizador da ferrovia, o falecido senador Vicente Vuolo.

O terminal de Rondonópolis foi inaugurada em setembro, com a participação da presidente Dilma Rousseff (PT). Ainda esse ano, uma pesquisa realizada pelo Núcleo de Estudos de Logística e Transporte da UFMT, afirmava que a tendência é a não construção do trecho da ferrovia até Cuiabá, contudo a nova pesquisa tem ares mais otimistas.
 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet