Olhar Agro & Negócios

Sábado, 13 de julho de 2024

Notícias | Logística

escoamento da produção

Depois de leiloada, BR 163 será tema de audiência pública sobre impacto da concessão

Foto: Reprodução

A concessionária poderá começar a cobrar pedágio depois de concluídos 10% da obra

A concessionária poderá começar a cobrar pedágio depois de concluídos 10% da obra

O leilão da BR 163 deve ser tema se audiência pública na Câmara dos Deputados e de uma mesa redonda em Mato Grosso para discussão dos impactos econômicos da concessão para a iniciativa privada do trecho de 850 quilômetros que vai da divisa com Mato Grosso do Sul até o município de Sinop.


Leia mais:
Médio-norte e norte de Mato Grosso serão beneficiados com corredor de escoamento da BR-163
Conheça o valor que Odebrecht cobrará em cada praça de pedágio na BR-163

O deputado federal Nilson leitão (PSDB-MT) apresentará nesta semana dois requerimentos na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e Amazônia (Cindra) da Câmara Federal.

Se os requerimentos forem aprovados, a mesa redonda ocorrerá em Sinop com a presença de representantes do Ministério doa Transportes, do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e da Odebrecht e do consórcio vencedor do leilão.

Serão chamados também representantes da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), do Ministério Público Federal e do Departamento da Polícia Rodoviária Federal (DPRF).

A mesa redonda terá a participação ainda dos prefeitos de Sinop, Sorriso e Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Diamantino, Acorizal, Campo Verde, Cuiabá, Rondonópolis e Itiquira.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet